O que você procura?

1 2 3 4 5

Região do Santa Terezinha recebe melhorias : 22/01/2021 21:12

O vice-prefeito de Varginha, Leonardo Ciacci visitou o Bairro Santa Terezinha na manhã desta sexta-feira, 22, onde está sendo concluída a troca das luminárias para lâmpadas de led, mais um compromisso da administração.

Segundo a moradora do bairro, Ana Cristina Beneton, essa obra é mais um benefício para aquela comunidade que já recebeu recentemente a capina, a manutenção asfáltica e o Centro Municipal de Educação Infantil - Cemei no Nova Varginha que atende as imediações

Compartilhar no Facebook

COVID-19: Varginha lança Disque Denúncia contra o novo coronavírus : 22/01/2021 18:20

A Secretaria de Saúde de varginha divulgou nesta sexta-feira (21) o Disque Denúncia Covid-19 para descumprimentos de normas e regras de prevenção da doença. “Através de telefone ou de mensagem, o qual acionará o setor ou instituição pertinente à resolução da situação de risco apresentada. Nós precisamos frear a transmissão do novo coronavírus. É a única maneira de reduzir internações e óbitos”, afirma Luiz Carlos Coelho, médico infectologista e secretário municipal de Saúde.

Varginha conta com três unidades de saúde para atendimento às pessoas com suspeita de COVID-19. “Além da Unidade de Pronto Atendimento-UPA, as policlínicas do Bom Pastor e do Canaã também estão atendendo pacientes suspeitos”, completa.



Mesmo com aumento do número de casos, novo decreto ampliou o horário de funcionamento do comércio desde a última segunda-feira (17). O comércio, que antes funcionava apenas seis horas durante a semana, segue aberto das 9h até as 18h, inclusive aos sábados. Domingos e feriados, as lojas não abrem. O shopping de Varginha funciona de segunda a sábado, de 10h às 20h, e aos domingos, das 11h às 20h, sendo permitida a entrada apenas até às 19h.



Com isso, o secretário de Saúde enfatiza as medidas de prevenção que devem ser tomadas nesse período de pandemia. “A pandemia de COVID-19 é um imenso desafio para todos nós. Por isso é importante cumprir todas as medidas de prevenção. Como a higienização das mãos, uso constante e adequado de máscaras e manter o distanciamento social. E um alerta para chegada do fim de semana: sair de casa, só se for extremamente necessário”, finaliza.

https://www.em.com.br/app/noticia/gerais/2020/08/21/interna_gerais,1178338/covid-19-varginha-lanca-disque-denuncia-contra-o-novo-coronavirus.shtml?fbclid=IwAR3Dk5D4-BVSmrdU1RHf6sB6VforKfBw3ZprPrEIt2EsokfS8cLhSdFYvEc

Compartilhar no Facebook

Unimed Varginha inicia vacinação entre os colaboradores : 22/01/2021 14:51

A Unimed de Varginha iniciou a primeira fase de vacinação conta a Covid-19 entre os médicos e colaboradores da UTI do Hospital Humanitas, com o imunizante Coronavac, desenvolvida pelo Instituto Butantan em parceria com a chinesa Sinovac.

“Chegou o momento que todos estavam esperando, e é de braços abertos que recebemos a vacina. A importância da imunização à equipe da UTI é grande, e nos faz voltar a ter esperanças de que tudo isto está chegando ao fim”, ratifica o cooperado e diretor Clínico do Hospital, Dr. Armando Martins Pinto.

A vacinação será realizada em várias etapas, garantindo que todos os colaboradores recebam a primeira dose. Posteriormente, outros setores da linha de frente do Hospital Humanitas também serão imunizados, respeitando as normas do Ministério da Saúde.

“Esta vacinação foi muito importante pra mim! Depois de muito tempo passando dificuldades com este vírus, no meu caso que fui acometido pela doença de forma grave, tendo infelizmente que ser entubado e ainda estou em processo de recuperação, então pra mim hoje é um dia muito emocionante! Não tenho palavras para agradecer a Deus que preparou esta vacina para nós, que se Deus quiser, é o começo da luz no fim do túnel”, compartilha Adilson Adriano de Almeida, técnico de enfermagem da UTI do Hospital.

Mesmo recebendo a imunização, todos ainda deverão continuar a seguir os protocolos de segurança e sanitários da ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar), para garantir o cuidado daqueles que, por questões prioritárias, não receberam ainda a vacina.

“É muito importante que a equipe de UTI seja vacinada o quanto antes, uma vez que tem contato direto com os pacientes em estado grave da doença, buscando com que eles se estabilizem e se recuperem bem. Então, mesmo com toda paramentação, ainda sim existem riscos e temos que tomar todas as medidas preventivas cabíveis para que não se adquira o vírus”, expressa a coordenadora da UTI, Ana Carolina Tavares Ayres.

Compartilhar no Facebook

Principais ações da Prefeitura de Varginha no enfrentamento à Covid : 21/01/2021 22:03

Prefeitura de Varginha afirma que a pandemia está em curso de rápida aceleração de casos de internações e de óbitos

É fundamental que as medidas de prevenção continuadamente sejam perseguidas por todos: uso correto e frequente de máscara, higienização frequente das mãos e superfícies, evitar aglomeração e manter o distanciamento de 1,5m das pessoas.

Neste momento é altíssima a taxa de ocupação dos leitos hospitalares em enfermarias e principalmente em terapias intensivas. O secretário municipal de Saúde, médico infectologista Luiz Carlos Coelho reformça que “há de se ter o discernimento de práticas protetivas e preventivas para que não haja um estrangulamento no sistema de saúde público ou privado; portanto, se não houver a adesão da população às medidas de prevenção projeta-se colapso; então, é muito importante que todo mundo esteja muito atento”.

**********************************************************************************************


Prefeitura divulga resumo das principais ações implementadas desde o início da pandemia:


Todas as decisões foram discutidas e chanceladas pelo Gabinete de Gerenciamento de Crise que é um grupo de profissionais gabaritados de diversos setores incluindo representantes da saúde, educação, comércio, entidades públicas e privadas dentre outros

- 17 decretos desde 18 de março de 2020

- decreto que suspendeu as atividades presencias do comércio dia 21/3 e outro autorizando o retorno gradativo em 23/4

- 18 protocolos sanitários emitidos específicos para cada atividade e 3 notas técnicas

- uso de máscara passou a ser obrigatório em 07/5

- monitoramento continuo do cenário epidemiológico pela Prefeitura como ferramenta que subsidia nas tomadas de decisões juntamente com o parecer do Gabinete

- disque denúncia – 35 9107-4735 - com uma série de servidores disponíveis 24h para receber denúncias e orientar a população; as denúncias são registradas e encaminhadas para as equipes de fiscalização que também ficam de plantão conforme as escalas
dos Setores de Fiscalização e Postura, de Vigilância Sanitária e com apoio da Guarda Civil Municipal de Varginha e da Polícia Militar

- série de dias de intensificação de fiscalização, no final do ano: foram 2 semanas quando a Prefeitura, Guarda e PM trabalharam de segunda à segunda com plantão de fiscalização diurno e noturno

- mais 15 interdições de estabelecimentos

- lavrados mais de 150 autos de infração

- notificações preliminares e ações educativas de 1mil diligências fiscalizadas na cidade de Varginha desde o início da pandemia

- várias lives

- criação da referência técnica em saúde do trabalhador que o município não tinha: a enfermeira Carolina visitou várias empresas, notificou e fez várias live junto com o Ministério do Trabalho para orientar diversas atividades e formas de trabalho
reorganização da atenção primária e secundário de atendimento de casos leves e supeitos

- criação de 4 unidades de gripe que são centros de enfrentamento à Covid nos quadrantes para atender aquele território com horário diferenciado visando facilitar o acesso de toda a população, principalmente a que trabalha durante o dia, pois o atendimento vai até às 21h e também para não sobrecarregar a UPA, UBS e PSF para que continuem com os atendimentos habituais das demais doenças

- instalação de Hospital de Campanha com 56 leitos atualmente 20 leitos de CTI e 36 leitos de enfermaria dos quais 8 leitos de CTI já habilitados desde o início e dos 36 de enfermaria 20 foram habilitados

- adequação da UPA enquanto dois “braços” de atendimento: um para atendimento não Covid e outro Covid

- aquisição pelo município de testes rápidos de antígenos de RT-PCR e de testagens para todo e qualquer caso de suspeição de Covid em Varginha

- plano de contingenciamento local e regional para estabelecer fluxos para garantir assistência aos pacientes que entram na UPA para Hospitais de referência em caso de necessidade de internação

- educação continuada dos profissionais da UPA desde o primeiro momento da pandemia com capacitações e atualizações de paramentação e desparamentação, protocolos e notas técnicas sempre atualizados em tempo real tornando a assistência capaz de dar respostas rápidas a cada mudança de protocolo e notas técnicas ou de fluxo de atendimentos.

Compartilhar no Facebook

Prefeitura pode fomentar o turismo ufológico : 21/01/2021 14:44

25 anos depois de um dos maiores casos da ufologia mundial, Varginha pode, finalmente, fomentar o turismo ufológico.

Em entrevista ao Blog do Madeira, o secretário de Turismo, Barry Charles, anunciou que a prefeitura irá dar continuidade à função original do Memorial do ET de Varginha. Em razão disso, a pasta procura PPPs (parcerias público-privada).

“Só o Município não dá conta [de financiar o projeto]. Além do mais, não vamos fazer um trabalho mais ou menos, mas sim uma exposição permanente profissional, talvez com observação de astros, o que já estamos conversando com uma pessoa de Varginha altamente entendida no assunto, diz Barry.

A prefeitura vai tentar ainda comprar o terreno onde o ET teria aparecido, um lote de 250m², no Jardim Andere. A ideia é preservar o local onde o ET teria sido visto, além de construir uma praça funcional para receber visitantes.

“Essa semana buscamos, no setor de Geoprocessamento da prefeitura, terrenos do Município que possam ser permutados com o proprietário do ‘lote do ET’. Estamos em negociação adiantada, com o aval do prefeito Vérdi”, disse Barry.

Compartilhar no Facebook

Varginha tem melhor gestão de pandemia no Sul de Minas : 21/01/2021 14:32

De acordo com pesquisa da Universidade Federal de Alfenas (Unifal), sobre os indicadores da COVID-19 no Sul de Minas, Alfenas é a cidade mais afetada pela pandemia. Já Poços de Caldas registra maior número de mortes entre os infectados. Além disso, dados também mostraram que a região apresentou crescimento de 126% dos casos, sendo que Manaus (AM), que na última semana viveu um colapso na saúde, atingiu 125%.

O surgimento de novos casos na cidade do Norte do país ocorreu mais pelo relaxamento das regras que previnem a disseminação do vírus, quando comparada com o Sul de Minas.

Ainda conforme o estudo, Varginha aparece como a melhor gestão da pandemia, com menor letalidade e menor número de mortes por habitante. Alfenas é a cidade que possui maior risco de contágio, e Poços de Caldas o maior risco de óbito entre os infectados.

“Desde o início de novembro, as curvas do Sul de Minas e de Manaus são muito semelhantes. Em 17 de janeiro, o Sul de Minas apresentou crescimento da média semanal de casos de 126 % e Manaus atingiu 125%. Pela semelhança das curvas, o crescimento da incidência é predominantemente reflexo das festividades de final de ano. O efeito da variante mutante sobre a incidência parece ainda não ter sido significativo”, diz trecho da pesquisa.

Conforme os dados, a região tem população de 2.812.944 habitantes, sendo 29% mais populoso que Manaus (2.182.763 habitantes).

Desde o início da pandemia, o Sul de Minas conta com média diária de 228 casos da doença, já Manaus apresenta 331. “O decréscimo de casos novos pode estar ameaçado se a nova variante começar a circular com força”, ressalta o estudo.

Ainda segundo os estudiosos, em Manaus, a imunidade pode ter caído mais cedo devido ao contágio mais rápido da doença.

“Isso, associado à duração da circulação sustentada do vírus, contribuiu para a explosão de casos e mortes, que também são fruto da falta de planejamento local e apoio federal. Situação essa que, felizmente, o Sul de Minas não apresenta”, informa.

Compartilhar no Facebook

Academias de Rua já começaram com as aulas de 2021 : 19/01/2021 14:59

Cumprindo o Plano de Governo do prefeito Vérdi Melo as Academias de Rua de Varginha já iniciaram as aulas de 2021. De acordo com o secretário municipal de Esporte e Lazer - Semel - André Luiz Correa Pereira, “a Administração Municipal quer uma cidade mais saudável e assim, a Semel já dá o pontapé inicial com as atividades físicas para toda a população mantendo todos os protocolos do enfrentamento à Covid-19 e também sempre orientando a população quanto aos benefícios das atividades para por fim ao sedentarismo e oferecer mais saúde a todos”.

A Semel incentiva a prática de atividades físicas, sendo que tem inclusive a opção de aula online quando a chuva impede a realização dos exercícios ao ar livre. Mais informações diretamente na Semel pelos telefones (35) 3690-2172 ou 3690-2280.

ACADEMIA DE RUA VILA PAIVA
Aulas: segunda à sexta, das 18h às 20h30
Professor: Flávio Pontes

ACADEMIA DE RUA VILA FLORESTA
Aulas: segunda e quinta, das 7h30 às 8h30
Professor: Flavio

PEC JARDIM ESTRELA
Aulas: segunda e quarta, das 7h30 às 8h30
Professor: Lourenço

ACADEMIA DE RUA PARQUE NOVO HORIZONTE
Aulas: segunda, quarta e sexta, das 7h às 8h
Professores Mavi e Renan

ACADEMIA DE RUA FÁTIMA
Aulas: segunda, quarta e sexta, das 7h às 8h
Professores Mavi e Renan

ACADEMIA DE RUA CENTENÁRIO
Aulas: terça e quinta, das 7h30 às 8h30
Professor Helder


ACADEMIA DE RUA BOM PASTOR
Aulas: segunda e quarta, das 7h30 às 8h30
Professor: Tiago

ACADEMIA DE RUA SANTA MARIA
Aulas: segunda, quarta e sexta, das 7h30 às 8h30
Professor: Flavio

ACADEMIA DE RUA BATALHÃO SION
Aulas: Segunda, quarta e sexta, das 7h30 às 8h30
- Terça e quinta, das 18h30 às 19h30
Professor Helder

Compartilhar no Facebook

Prefeitura capacita gestores de despesas da Administração Pública municipal : 18/01/2021 14:35

Dando início às atividades de capacitação de pessoal, a Secretaria de Controle Interno - SECON em conjunto com o Departamento de Suprimentos, Secretaria de Planejamento, Setor de Almoxarifado e Divisão de Patrimônio e Serviços Gerais realizará nos dias 19 e 20 de janeiro, no Auditório do Instituto de Previdência dos Servidores Públicos do Município de Varginha - INPREV, treinamentos voltados para os gestores de despesas da Administração Pública municipal.

O intuito principal é qualificação dos servidores, aprimoramento e padronização das tarefas executadas por eles, de forma a garantir a preservação do patrimônio, otimizar a gestão de compras, além de assegurar o correto e efetivo pagamento das notas fiscais que tramitam pelas Secretarias.


Tema: Elaboração de Requisições

Data: 19/01/2021

Horário: 8h

Local: Auditório do Instituto de Previdência dos Servidores Públicos do Município de Varginha - INPREV


Tema: Padronização da Conferência, das Rotinas e dos Procedimentos na Tramitação das Notas Fiscais ou Similares

Data: 20/01/2021

Horário: 8h

Local: Auditório do Instituto de Previdência dos Servidores Públicos do Município de Varginha - INPREV

Compartilhar no Facebook

Secretaria de Planejamento emite Certidões gratuitamente pelo site da Prefeitura : 15/01/2021 15:50

Por determinação do prefeito Verdi, a Secretaria Municipal de Planejamento Urbano – Sepla tem se modernizando para facilitar o acesso aos cidadãos a serviços prestados.

Nesse sentido, desde o dia 10 de agosto, Certidões que antes eram cobradas e levavam tempo para serem emitidas como CERTIDÃO DE CADASTRAMENTO, COMPROVANTE DE NÚMERO DE PRÉDIO PARA LIGAÇÃO DE ÁGUA E ENERGIA, CERTIDÃO DE VALOR VENAL, dentre outras estão disponíveis através do site do Município gratuitamente.

Como determinou o prefeito, “a Prefeitura tem que facilitar a vida do cidadão e desburocratizar a prestação de serviços para termos eficiência”, disse o secretário de Planejamento Ronaldo Lima Júnior que já adianta que novas medidas nesse sentido deverão ser tomadas.

“Desde quando assumi a Secretaria de Planejamento na gestão passada por um período, senti a necessidade da modernização do setor, a fim de facilitar a vida dos contribuintes. Naquela oportunidade demos o início com a consulta de processos pelo site da prefeitura e agora estamos ai disponibilizando outros serviços perla internet”, disse o prefeito Vérdi Melo.

Compartilhar no Facebook

Arrecadação com obras de construção civil no Sul de Minas bate recorde após operação “Domus” da Receita Federal : 13/01/2021 14:42

Em outubro de 2020 a Receita Federal deflagrou a Operação “Domus” com o objetivo de fiscalizar contribuintes que iniciaram as suas construções nos últimos 5 anos, e não realizaram o devido recolhimento das contribuições previdenciárias. O resultado parcial da operação apontou recorde de arrecadação na Receita Federal em Varginha nos meses de novembro com R$ 3.280.040,00 arrecadados, e dezembro, com R$ 4.023.277,26. Houve um incremento de aproximadamente R$ 950.000,00 na arrecadação de dezembro de 2020 em relação ao mesmo mês de 2019, o que corresponde a um crescimento de 28,06%. O valor arrecadado em dezembro é equivalente à aquisição de 67 ventiladores pulmonares ou 15.400 testes de Covid-19 para enfrentamento da pandemia.

Com esse resultado, a Receita Federal de Varginha ocupa o terceiro lugar em arrecadação de contribuições previdenciárias no país.

O Delegado da Receita Federal em Varginha, auditor-fiscal Michel Lopes Teodoro destaca a importância desse resultado.

“A Operação Domus iniciou com a fase de autorregularização, dando a oportunidade para que todos os proprietários de obras paguem seus impostos sem multas e juros. Além disso, esses impostos estão relacionados com a contribuição previdenciária dos prestadores de serviço que trabalharam na construção civil, como pedreiros, pintores, encanadores, etc. A Operação continua e não tem data para terminar, inclusive, em fevereiro vamos avançar também para os municípios do triângulo mineiro”.

O objetivo da operação é que os contribuintes busquem a autorregularização junto à Receita Federal. Para isso, foram enviadas cartas de convocação com informações para que os contribuintes que possuem obras em situações irregulares, possam realizar a regularização no prazo estabelecido. Quem não se autorregularizar, será autuado e os tributos serão calculados sobre os custos atuais. A multa mínima é de 75% (setenta e cinco por cento), podendo chegar a 225% (duzentos e vinte e cinco por cento). Conforme o caso, poderá ocorrer Representação Fiscal para Fins Penais, a ser enviada ao Ministério Público Federal, que poderá instaurar o competente processo criminal.

A Operação “Domus” seguirá por prazo indeterminado e será estendida para todo o estado. Na nova fase da operação, a fiscalização está sendo intensificada para todos os contribuintes que estão executando ou já concluíram as obras nos últimos 5 anos e não fizeram os recolhimentos devidos. A seleção dos contribuintes a serem fiscalizados é baseada em critérios técnicos e impessoais, a partir das bases de dados da própria Receita Federal, com cruzamentos de informações recebidas de outros órgãos, como prefeituras e cartórios. Todos os tipos de construções em qualquer fase, desde que iniciadas, quer sejam residenciais, comerciais ou industriais serão fiscalizadas.

Para evitar autuações e, consequentemente, as multas, os contribuintes que possuem obras não regularizadas poderão, espontaneamente, procurar a Receita Federal através dos canais virtuais de atendimento disponíveis em https://www.gov.br/receitafederal/pt-br.

Compartilhar no Facebook

Secretários do Governo de Minas visitam Varginha para apresentar novo Seed : 13/01/2021 14:38

Varginha recebe nesta quarta-feira (13), a visita do subsecretário de Desenvolvimento Regional de Minas Gerais, Douglas Cabido e do Secretário adjunto de Desenvolvimento Econômico, Fernando Passali, que vão apresentar, o novo Startups and Entrepreneurship Ecosystem Development (Seed), que é o Programa de Aceleração de Startups com menor valor para o Estado.

A proposta é oferecer a melhor experiência aos participantes do programa de aceleração de startups, com menor valor para o Estado. A apresentação é fruto de uma parceria da prefeitura com o CesulLab, e contará com a presença de empresários do ramo de Startups.

A apresentação vai acontecer às 15h30, na sede do CesulLab, na rua José Gonçalves Pereira, 129, Vila Pinto.


Necessidades do ecossistema mineiro

Um dos pilares que fortaleceram as mudanças do Seed é a pesquisa da Sede "Retrato do Ecossistema Mineiro de Inovação e Empreendedorismo", elaborada em parceria com a empresa TroposLab. O estudo serviu para identificar a maturidade e as necessidades do ambiente em Minas Gerais. Desta forma, o governo poderá direcionar ações de desenvolvimento coordenadas pela Sede, como Seed, Hub Minas e Startup Universitário.

A pesquisa mostra que, por mais que o número de programas para startups e espaços de inovação tenha crescido ano a ano em Minas Gerais, empreendedores ainda têm dificuldades em todas as fases e atividades críticas, que vão desde apoio para começar um negócio até se apresentarem a “investidores anjo” e fundos de investimento.

Mesmo assim, cerca de 73% das startups, em todas as fases, reconheceram que o ecossistema mineiro tem casos de sucesso e inspiração, e aproximadamente 67% acreditam que empreendedores transmitem seus aprendizados e experiências.


O SEED

Coordenado pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (SEDECTES), o SEED é parte do Minas Digital, uma série de iniciativas governamentais, parcerias e rede de networking que buscam impulsionar o desenvolvimento de negócios inovadores e fortalecer a cultura empreendedora no Estado. O SEED tem como objetivo incentivar o empreendedorismo e transformar Minas Gerais em um polo tecnológico, por meio de ideias inovadoras. No total, o SEED já acelerou 152 startups, sendo 36 estrangeiras, e recebeu 5.408 inscrições.

Considerado pela Bloomberg Foundation um dos grandes projetos de inovação do setor público no mundo, o programa tem como diferencial a não exigência de CNPJ ou participação do Governo no negócio criado pelas startups. O programa tem alcance internacional e busca atrair empresas de todo o mundo para o ambiente do estado, estabelecendo um ecossistema de integração, troca de experiências e geração de resultados.

Compartilhar no Facebook

Mais ações da visita de Zema: vistoria de seringas e anúncio da 3ª faixa da MG-167 : 12/01/2021 14:41

Ainda na segunda (11), o governador Romeu Zema vistoriou e acompanhou, o recebimento e o início da distribuição dos primeiros lotes de seringas para vacinação contra a covid-19 na região. Na última semana, na primeira etapa desse processo, foram encaminhadas para a Regional de Saúde de Varginha cerca de 300 mil unidades, que serão distribuídas aos 50 municípios que compõem a macrorregião a partir desta segunda-feira.

Zema acompanhou o carregamento do primeiro lote de suprimentos, encaminhado para o município de Lavras. Ele ressaltou a agilidade e eficiência de seu governo para garantir que a vacina chegue à população mineira o mais rápido possível.

“Há 90 dias, nós já estávamos planejando esta compra de agulhas e seringas. Quero tranquilizar o mineiro e dizer que toda a estrutura para vacinação está montada no estado. O mineiro vai ter um processo de vacinação totalmente estruturado, eficiente e seguro”, afirmou o governador.

Ao todo, o Governo de Minas adquiriu, de forma antecipada, 50 milhões de seringas agulhadas. Deste total, 20 milhões já chegaram à Central Estadual de Rede Frios da Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG), em Belo Horizonte, que já iniciou a distribuição por todo o estado por meio das superintendências e regionais de Saúde.


Plano para Vacinação

Além das seringas, o Governo de Minas também adquiriu 617 câmaras refrigeradas para o armazenamento das vacinas. A estratégia começou a ser elaborada em setembro do ano passado, por meio do Plano de Contingenciamento para Vacinação contra a Covid-19. As ações da atual gestão estadual asseguraram a compra dos insumos e materiais para garantir mais agilidade na aplicação das vacinas na população mineira.

“A data exata da vacinação ainda não foi disponibilizada pelo Ministério da Saúde, mas já sabemos que será um plano nacional, e que nenhuma cidade ou estado será privilegiado ou prejudicado. Estou muito otimista com esta vacina, que vai ser a solução para esta pandemia que está quase completando um ano e que afetou a vida de todos nós”, finalizou o governador.

Segundo o secretário adjunto de Saúde, Marcelo Cabral, que acompanhou o governador na vistoria, o trabalho de distribuição foi iniciado na última semana e a previsão é a de que, até o final do mês, todas as regionais tenham recebido os materiais.

“O almoxarifado da Secretaria de Saúde, na região Central, recebe as seringas agulhadas e os refrigeradores e, de imediato, faz o repasse aos municípios. O nosso plano de contingenciamento, determinado pelo governador, teve início em setembro do ano passado. Na última semana já estabelecemos a distribuição dos materiais”, disse Marcelo Cabral.

Além do prefeito de Varginha, Vérdi Lúcio Melo, e da prefeita de Lavras, Jussara Menicucci, participaram da vistoria o deputado federal Diego Andrade e o primeiro vice-presidente da Assembleia Legislativa, deputado estadual Antônio Carlos Arantes.


Resultados

Graças às ações de prevenção e combate à covid-19, Minas segue como o estado brasileiro com a menor taxa de mortalidade da doença por milhão de habitantes. Desde o início da pandemia, uma série de medidas foi tomada com antecedência, como ampliação de leitos de UTI (de 2.072 em fevereiro para cerca de 3.900 atualmente), distribuição de 1.047 respiradores aos municípios e investimento de R$ 2,2 bilhões no combate à doença.


Terceira faixa da MG-167

Zema anunciou, em Três Pontas, o início das obras na MG-167, que liga o município a Varginha, dentro do programa Abrace uma Rodovia, da Secretaria de Estado de Infraestrutura e Mobilidade (Seinfra).

Demanda antiga da população local, o trecho ganhará uma terceira faixa de aproximadamente nove quilômetros interligando os dois municípios. Também serão feitos acostamentos em toda a área.

Ao todo, serão investidos R$ 14 milhões. Desse total, 80% são recursos de emenda federal, do deputado Diego Andrade, e estadual, do deputado Mário Henrique Caixa. Os outros 20% são do Governo do Estado. O objetivo do programa Abrace uma Rodovia, lançado em 2020, é justamente o de atrair investimentos por meio de emendas parlamentares para ampliar a manutenção da malha rodoviária mineira.

“Essa rodovia é extremamente importante para a região, uma das mais movimentadas, e com alta taxa de acidentes. E ainda tem a questão econômica, por ser uma das regiões que mais produz café no estado”, disse o governador.

“O Estado, sozinho, jamais teria recursos para fazer essa obra, mas, com essa parceria - que espero ser a primeira de muitas -, com certeza conseguiremos fazer melhorias mais adequadas na nossa malha viária. Isso prova que com disciplina e criatividade podemos solucionar problemas”, completou.


Benefícios

De responsabilidade do Departamento de Edificações e Estradas de Rodagem (DER-MG), a obra está prevista para ser iniciada no segundo semestre de 2021 e deverá trazer significativa melhoria logística para a região, uma vez que o tempo e os custos de deslocamento serão reduzidos.

Serão diretamente beneficiados produtores rurais da região, que terão mais facilidade para o escoamento da produção, além da população residente em cidades próximas ao trecho, totalizando cerca de 180 mil pessoas.

O secretário de Estado de Infraestrutura e Mobilidade, Fernando Marcato, destaca outros impactos positivos da obra. “Estudos demonstram que, em média, a implantação de faixas adicionais reduz em 30% o número de acidentes, e aumenta a velocidade de viagem em 3,5km/h. Em 2019 foram 104 acidentes nesse trecho”, pontuou.

Segundo a Seinfra, apenas com a terceira faixa espera-se uma redução de R$ 3,8 milhões em custos com acidentes de trânsito anualmente.


Apoio

O coordenador da bancada mineira na Câmara dos Deputados, deputado Diego Andrade, explicou o motivo de destacar emenda parlamentar para a obra. “Queremos que esse recurso de agora se transforme em muitos mais. Conte conosco, governador, para fazer o bem para Minas Gerais. Esse convenio é um sonho para a região. O projeto já está pronto”, afirmou.

A redução dos acidentes também foi destacada pelo autor da outra emenda, o deputado estadual Mário Henrique Caixa. “É uma reivindicação antiga, são muitas vidas perdidas em acidentes nessa estrada”.

Também participaram do evento o vice-prefeito de Três Pontas, Luisinho, e o prefeito de Varginha, Verdi, além de outras autoridades.

Compartilhar no Facebook

Zema visita Varginha para assinatura do decreto de Liberdade Econômica do município : 11/01/2021 14:33

O Governador Romeu Zema e o Secretário Adjunto de Desenvolvimento Econômico, Fernando Passalio, chegam hoje em Varginha para assinatura de Decreto de Liberdade Econômica exclusivo da cidade. A cerimônia será às 15h, na sede da Secretaria de Desenvolvimento Econômico (rua José Gonçalves Pereira, nº 129 – Vila Pinto (CesulLab).

O decreto, por meio da lei nº 13.874/2019, estabelece que atividades de baixo risco podem ser realizadas sem a necessidade de atos públicos de liberação, ou seja, a desburocratização dos processos para abertura de empresas.

A ideia central da lei é que a empresa possa iniciar as atividades antes mesmo de dar entrada aos documentos oficiais para a sua abertura. Ou seja, visa assegurar a todos, o livre exercício de qualquer atividade econômica, independentemente de autorização de órgãos públicos, salvo nos casos previstos em lei. Além de ajudar na eficiência da atividade empresarial, simplificando o trabalho administrativo e a eliminação de formalidades e exigências desproporcionais ou desnecessárias.


Entrega caminhão de Brigada de Incêndio para o Aeroporto

Zema também entregou um caminhão de Brigada de Incêndio para equipar o Aeroporto de Varginha.

O caminhão modelo Scania P360, com dois canhões com capacidade de 360 galões por minuto, tem sua carga de 200 Kg de pó químico e 200 litros de LGE, líquido gerador de espuma. Os canhões possuem alcance de 70 metros de efetividade.

O Aeroporto já possui um caminhão de Brigada de Incêndio do mesmo modelo do veículo que será entregue. Os dois caminhões elevará a categoria contra incêndio proporcionando mais segurança para as operações realizadas.

Compartilhar no Facebook

Supermercados e similares que descumprirem protocolos sanitários poderão ser interditados : 08/01/2021 14:10

O Prefeito Vérdi Melo e o vice-prefeito Leonardo Ciacci se reuniram nesta tarde de quinta-feira (07) na Prefeitura, com representantes de supermercados e rede de atacadistas de Varginha para pedir que redobrem os cuidados para o enfrentamento da Covid-19.

Na oportunidade, foi entregue a cada um dos presentes uma cópia do Protocolo Sanitário Especifico atualizado para Hipermercados, Supermercados, Mercearias e Similares com todas as medidas de proteção já estabelecidas nos Decretos Municipais e nos Protocolos Gerais de Alimentação e de Saúde do Trabalhador, que devem ser observadas e cumpridas especialmente por estes estabelecimentos, visando a prevenção, o controle e a mitigação dos riscos de transmissão da Covid.

“Hoje pela manhã nos reunimos com os proprietários de pastelarias do Mercado do Produtor pedindo que redobrem os cuidados das medidas protetivas, e principalmente que não permitam as aglomerações. Agora estamos nos reunindo com representante do setor de Hipermercados e Supermercados devido as denúncias que tem chegado até a Vigilância Sanitária, de várias irregularidades da falta de cumprimento dos protocolos. Estamos advertindo e alertando, mas em caso dos reincidentes, infelizmente vamos ser obrigados a tomar medidas legais, pertinentes à situação, inclusive interditando aqueles que descumprirem os protocolos” explicou o Prefeito.

Também o vice-prefeito Leonardo Ciacci se manifestou dizendo que “a pandemia não acabou, devemos nos precaver dentre todos os aspectos, seguindo as medidas como o uso constante de máscaras, a utilização de álcool gel, evitando as aglomerações. Se todos fizerem a sua parte juntos vamos vencer mais este desafio”.

A reunião contou ainda com a presença da coordenadora da Vigilância Sanitária, Nara Alvarenga, que deu todas as orientações e enfatizou que muitos dos estabelecimentos deste ramo de atividade estão deixando de tomas as medidas protetivas, a exemplo da higienização de carrinhos e sacolas e ainda autorizando a entraram de pessoas além de capacidade permitida.

Compartilhar no Facebook

GEESUL e Grupo Unis desenham mapa do PIB do Sul de Minas : 06/01/2021 14:40

No dia 16 de dezembro, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou o PIB de todos os municípios brasileiros. Em um trabalho conjunto, o Grupo de Estudos Econômicos do Sul de Minas Gerais (GEESUL), o Departamento de Pesquisa do Unis, o Mestrado em Gestão e Desenvolvimento Regional e o Cesul Lab realizaram um estudo sobre os resultados do PIB alcançado pelos municípios do Sul de Minas.

Considerando os 155 municípios que compõem a região, o resultado da produção em 2018 totalizou R$ 81,9 bilhões em preços correntes. Aplicando o deflator do PIB o valor real da produção é de R$ 78,4 bilhões, representando um crescimento econômico real de 4,32% em relação a 2017.

Importante salientar que em 2017 a soma do PIB dos dez maiores municípios representava 53,16% do total da região, já em 2018 essa participação subiu para 55,31%. Isso demonstra um aumento, mesmo que pequeno, na concentração da produção do Sul de Minas nestas localidades.

Outra importante medida é o PIB per capita, que apresenta o total da produção (PIB) dividido pela população estimada do município. Em linhas gerais, demonstra o quanto da produção em média caberia para cada habitante do município.

Por fim, cabe salientar a taxa de crescimento econômico dos municípios, relacionando os dez que tiveram o maior nível desse crescimento em 2018 comparado com 2017.

Compartilhar no Facebook

Prefeitura revoga licitação do Transporte Coletivo Urbano, que estava suspensa desde 2018 : 06/01/2021 14:29

A Prefeitura revogou a Licitação do Transporte Coletivo Urbano, Concorrência Pública nº 002/2018, que estava suspensa desde 2018. O Prefeito Vérdi Melo decidiu, após Parecer Jurídico da Procuradoria Geral do Município – PGM, revogar a licitação do sistema do transporte coletivo com fundamento no artigo 49 caput da Lei nº 8.666/93; Súmula nº 473 do STF, bem como no item 19.14 do Edital de Licitação, em razão de fato superveniente – pandemia causada pelo Coronavírus (COVID-19).

“É de conhecimento público a grave crise do sistema sanitário e de saúde pública vivenciada desde o mês de março de 2020 por diversos países, inclusive o Brasil, decorrentes da disseminação e proliferação da pandemia causada pelo Coronavírus (COVID-19). A pandemia causada pelo Coronavírus produziu diretamente impactos sociais, econômicos, políticos, culturais e históricos sem precedentes na história mundial. Nesse sentido, seria improvável imaginar o surgimento e consequente disseminação da pandemia causada pelo Coronavírus, quando da deflagração da Concorrência Pública nº 002/2018, ocorrida em dezembro de 2018”, justificou o prefeito.

Outro aspecto relevante considerado pela administração está relacionado ao aumento na cidade, da utilização de aplicativos como meio de transporte no período da pandemia, o que, naturalmente resulta na revisão do planejamento inicialmente previsto do objeto a ser licitado.

“É Importante destacar que a revogação da Concorrência Pública nº 002/2018, não acarretará prejuízos, seja em relação à própria Administração ou a particulares, vez que a Administração deverá promover a revisão do respectivo Termo de Referência, para posterior elaboração de novo processo licitatório. É demonstrado o interesse público superveniente e, sobretudo, considerando que a Administração Pública dever primar pelo princípio constitucional da eficiência, que, por razões de conveniência e oportunidade, a Prefeitura de Varginha decidiu pela revogação da Concorrência Pública nº 002/2018”, explicou o Procurador Geral do Município, Evandro Marcelo dos Santos.

A empresa que havia vencido a licitação para explorar o serviço de transporte público em Varginha foi a Via Sul. A empresa, que é do mesmo dono da Autotrans, que é quem atualmente administra o transporte público na cidade. Ela também foi a única concorrente na licitação. Horas depois do anúncio da vencedora, em 2018, o Tribunal de Contas de Minas Gerais determinou a suspensão do processo.


Lei nº 8.666 de 21 de Junho de 1993

Regulamenta o art. 37, inciso XXI, da Constituição Federal, institui normas para licitações e contratos da Administração Pública e dá outras providências.

Art. 49. A autoridade competente para a aprovação do procedimento somente poderá revogar a licitação por razões de interesse público decorrente de fato superveniente devidamente comprovado, pertinente e suficiente para justificar tal conduta, devendo anulá-la por ilegalidade, de ofício ou por provocação de terceiros, mediante parecer escrito e devidamente fundamentado.

§ 1o A anulação do procedimento licitatório por motivo de ilegalidade não gera obrigação de indenizar, ressalvado o disposto no parágrafo único do art. 59 desta Lei.

§ 2o A nulidade do procedimento licitatório induz à do contrato, ressalvado o disposto no parágrafo único do art. 59 desta Lei.

§ 3o No caso de desfazimento do processo licitatório, fica assegurado o contraditório e a ampla defesa.

§ 4o O disposto neste artigo e seus parágrafos aplica-se aos atos do procedimento de dispensa e de inexigibilidade de licitação.

Compartilhar no Facebook

Policlínica Central está fazendo coletas de sangue; veja como ser doador : 06/01/2021 14:19

A Policlínica Central está fazendo coletas de sangue. Para doar é preciso fazer agendamento prévio feito pelo telefone 3690-2297 ou pessoalmente, das 7h às 11h, e de segunda a quinta-feira. As doações são feitas toda sexta-feira.

A Policlínica Central fica na R. Santa Catarina, s/n – Centro.


Como funciona a doação

Doando sangue você pode salvar até quatro vidas, visto que o sangue doado é fracionado em quatro bolsas.

A doação de sangue não causa nenhum prejuízo para o doador. É totalmente segura. Não engorda, nem emagrece e nem engrossa o sangue. E o sangue que você doa é reposto em poucos dias pelo seu organismo.

A doação dura poucas horas.


Para doar é preciso
Ter entre 16 e 69 anos de idade. Jovens de 16 e 17 anos só poderão doar se acompanhados do responsável legal ou portando autorização formal com assinatura e xerox do documento do responsável. Pessoas com 61 anos ou mais só poderão doar se tiverem realizado pelo menos uma doação anterior (levar comprovante no dia da doação);

Ter e estar com boa saúde;

Ter dormido bem na noite anterior à doação;

Ter se alimentado, não estar em jejum;

Pesar mais de 50 Kg;

Não pode ter tido sintomas gripais nos últimos 30 dias;

Não ter tido hepatite após os 11 anos de idade;

Não ter sido exposto à situação de risco acrescido para doenças sexualmente transmissíveis;

Não ter se submetido a exame de endoscopia, colonoscopia, broncoscopia, fibronasoscopia ou ortroscopia nos últimos 6 meses;

Não ter feito tatuagem nos últimos 12 meses e piercing nos últimos 6 meses;

Não estar grávida ou em período de amamentação;

Não apresentar ferimento ainda não cicatrizado;

Não ter ingerido bebida alcoólica nas 12 horas que antecedem a doação;

Para a mulher a menstruação ou o uso de pílula anticoncepcional não impedem a doação;
O uso de medicamentos deve ser informado;

Outras condições que também podem impedir a doação serão avaliadas na triagem clínica;

Quem tomou a vacina de Febre Amarela deve aguardar 30 dias para fazer doação de sangue.


Tempo entre doações

Homens podem fazer até 4 doações no período de 1 ano com intervalo mínimo de 2 meses (60 dias) entre uma doação e outra.

Mulheres podem fazer até 3 doações no período de 1 ano com intervalo mínimo de 3 meses (90 dias) entre as doações;


Documentos exigidos

É obrigatória a apresentação, no ato da doação, de documento original de identidade com foto, dentro do prazo de validade, emitido por órgão oficial (Carteira de Identidade, Trabalho, Habilitação, Conselho de Classe ou Certificado de Reservista).

Compartilhar no Facebook

Prefeito Vérdi Melo sanciona Lei que regulamenta a atividade de aplicativos na cidade : 04/01/2021 22:23

O Prefeito Vérdi Melo sacionou a LEI N° 6.773, de autoria do Executivo que disciplina o uso do sistema viário urbano do Município de Varginha para a prestação de serviços de transporte individual remunerado de passageiros, por meio de aplicativos.

“O transporte individual de passageiros ganhou novos contornos com a chegada de aplicativos baseados em plataformas tecnológicas, gerando grande discussão acerca da natureza jurídica do serviço e da qualidade do serviço que será prestado. Como é de conhecimento, cabe exclusivamente aos Municípios e ao Distrito Federal regulamentar e fiscalizar estes no âmbito dos seus territórios. Desta maneira, tornou-se necessária a regulamentação deste novo tipo de prestação de serviço, haja vista que é notória a exploração desta atividade econômica privada de transporte individual remunerada de passageiros com a intermediação de aplicativos de tecnologia de transporte no âmbito do Município de Varginha”, justificou Vérdi.

A Lei Federal nº 12.587 de 3 de janeiro de 2012, que trata das diretrizes da Política Nacional de Mobilidade Urbana, sofreu alterações recentes pela Lei Federal nº 13.640, de 26 de março de 2018, que disciplinou em âmbito nacional o chamado transporte remunerado individual de passageiros um serviço de natureza privada, havendo vinculação entre a empresa intermediadora, fornecedora e mantenedora da plataforma de comunicação em rede e do motorista, que é pessoa física, autônoma, efetiva prestadora do serviço, cabendo ao Município a regulamentação operacional do sistema, de modo a buscar garantir segurança e qualidade da atividade a ser prestada. Entretanto, cabe aos municípios sua regulamentação.

Em Varginha a autorização para utilização do sistema viário urbano do Município para a prestação de serviços de transporte individual remunerado de passageiros será outorgada pelo Departamento Municipal de Trânsito - Demutran.

A Lei foi publicada no órgáo Oficial do Município, edição 1.323 e encontra-se disponível no site da prefeitura

Compartilhar no Facebook

Estacionamento do Shopping pode ser pago por aplicativo : 22/12/2020 16:25

Acompanhando as inovações tecnológicas e com a finalidade de proporcionar aos seus clientes mais segurança, conforto e praticidade em suas visitas ao centro de convivências, especialmente no período que antecede o natal, o Via Café Garden Shopping informou que é possível pagar o estacionamento por meio de um aplicativo de celular: o Park Indigo. O recurso, fácil de usar e gratuito, é compatível com os smartphones que utilizam plataformas IOS e Android e já está disponível aos usuários do Garden, há cerca de um mês.

De acordo com a coordenadora de marketing do shopping, Etienne Bandeira, o aplicativo é um bônus neste período de combate ao novo Coronavírus, já que o empreendimento sempre teve a preocupação em oferecer aos seus convidados, a melhor experiência em compra e entretenimento, para que possam curtir ao máximo os momentos em que estão no mall.

“E neste ano, em que fomos surpreendidos com a pandemia, pagar o estacionamento pelo aplicativo significa ainda mais segurança para todos, pois não é preciso enfrentar filas, ter contato com dinheiro ou com outra pessoa. É uma garantia a mais de que o ambiente, além de confortável, segue rigorosos protocolos de higiene e desinfecção, sem comprometer os últimos dias de compras de fim de ano”, avalia.

Para utilizar o Park Indigo, basta fazer o download do aplicativo na loja online de seu celular e efetuar um rápido cadastro. Na hora de pagar o estacionamento, o cliente faz a leitura do código de barras do cartão de cobrança ou digita o número que está impresso nele. Na tela aparecerão o tempo de permanência no shopping e o valor cobrado pela tarifa do estacionamento. A partir daí, basta inserir as informações do cartão de crédito – que também pode ficar salvo no aplicativo – para o pagamento.

Compartilhar no Facebook

Câmara Municipal devolve mais R$ 3,2 milhões para a Prefeitura : 22/12/2020 16:03

A Câmara Municipal vai devolver à Prefeitura mais de R$3,2 milhões. O valor, economizado ao longo deste ano, ajudará o Executivo nas despesas financeiras. O montante será destinado para complemento da folha de pagamento dos servidores e para outros compromissos financeiros do município.

“Foi um ano de muitas dificuldades, em que o inesperado aconteceu para todo o mundo, mas conseguimos manter os trabalhos, mesmo vivendo adaptações em razão da pandemia e a produção do Legislativo varginhense se manteve e demonstramos que, mais do que nunca, estamos preocupados com a promoção da qualidade de vida da nossa população”, avaliou a presidente da Câmara Zilda Silva.

Ainda de acordo com a presidente, além da pandemia, a Câmara passou por outros momentos difíceis.

“2020 foi um ano em que além do coronavírus, enfrentamos renúncia do prefeito Antônio Silva em abril, o falecimento do vice-presidente da Mesa Diretora, vereador Carlos Costa, que deixa uma lacuna que nunca mais será preenchida e a renúncia de outro vereador. Foi um ano difícil, mas que pudemos contar uns com os outros, por isso agradeço a todos, de todo o meu coração e só posso pedir a Deus que todos tenham um Natal muito feliz e que em 2021 todos possamos ter mais saúde e vivam em harmonia”, concluiu a presidente.

Compartilhar no Facebook

Receita Federal e Unis firmam parceria para implantação do 1º NAF COMEX no Sul de Minas : 21/12/2020 16:29

A Receita Federal em Varginha e o Grupo Unis firmaram no dia 18 de dezembro a ampliação do Acordo de Cooperação do NAF, assinado em 18/10/2017, para atuação a partir de 2021 também no comércio exterior.

O objetivo do NAF/COMEX é contribuir para que o microempreendedor individual (MEI) e o cidadão hipossuficiente possam exportar seus produtos e auxiliar também na importação, além de outras demandas relacionadas ao comércio exterior. A previsão é que o NAF/COMEX seja implantado no UNIS no primeiro semestre de 2021.

Participaram da reunião o delegado da Receita Federal em Varginha, auditor-fiscal Michel Lopes Teodoro; o delegado adjunto da Receita Federal em Varginha, os auditores-fiscais Eduardo Antônio Costa e Henrique Viegas Cunha; Ricardo Morais Pereira, pró-reitor Acadêmico do Grupo Unis; Dimas Almeida dos Reis, coordenador do NAF e do Curso de Ciências Contábeis; Gustavo Flausino de Oliveira, Coordenador do Curso de Administração com ênfase em Comércio Exterior; Rodrigo Faria, Coordenador do Núcleo Varginha; e Luana Peixoto, secretária-geral do NAF.

O auditor-fiscal Henrique Viegas comenta que “o potencial para o crescimento do NAF/COMEX em nossa região é muito grande. Já temos uma rede de comércio exterior bem desenvolvida e a inclusão do microempreendedor individual (MEI) e do cidadão hipossuficiente nas transações internacionais será benéfica para toda a sociedade. Pequenos produtores rurais, apicultores, fabricantes de cachaça e de cerveja, e até mesmo artesãos são alguns dos empreendedores regionais que poderão expandir seus negócios. Assim, a criação do NAF/COMEX é de grande valia para que esses pequenos empreendedores possam dar os primeiros passos no comércio internacional, seja para a exportação de seus produtos seja para a importação de matérias-primas.”


Sobre o NAF

O Núcleo de Apoio Contábil e Fiscal (NAF) é uma parceria da Receita Federal com as Instituições de Ensino Superior, que visa disponibilizar orientação tributária e fiscal pelos estudantes universitários a pessoas físicas de baixa renda, bem como a microempresas, microempreendedores individuais e entidades sem fins lucrativos. Constitui-se também como importante elemento da prática profissional para os alunos de ciências contábeis e comércio exterior.

Promovem uma interação maior entre a Receita, as Instituições de Ensino, os alunos e a sociedade, propiciando, por meio de um Acordo de Cooperação, a qualificação de futuros profissionais contábeis e de comércio exterior, e a prestação de serviços fiscais aos contribuintes hipossuficientes, com vista ao fortalecimento da imagem de ambos (RFB e IES) perante a sociedade e ao desenvolvimento da moral tributária e cidadania.


NAF Unis Varginha

O NAF do Unis atualmente é vinculado ao curso de Ciências Contábeis e, pelo segundo ano consecutivo é o primeiro lugar em atendimentos realizados no Brasil. Em 2020 foram 41823 atendimentos realizados, que correspondem a 31% dos atendimentos totais realizados no país.

O NAF COMEX será vinculado ao curso de Administração com ênfase em Comércio Exterior.

Compartilhar no Facebook

Grupo Empresarial Unimed Varginha é reconhecido por selo de Governança e Sustentabilidade : 18/12/2020 15:05

Pela primeira vez, o Hospital Humanitas Unimed conquistou a certificação na categoria Ouro do Selo Hospital Unimed de Sustentabilidade 2020. O Selo oferece ao hospital uma ferramenta de diagnóstico da gestão hospitalar que possibilita um melhor planejamento e execução de ações e práticas que visam uma gestão mais economicamente viável, socialmente justa e ambientalmente responsável.

“Esta certificação é resultado de grandes esforços de toda a equipe do Hospital Humanitas Unimed em buscar a implantação de boas práticas em Governança e Gestão para a sustentabilidade”, ratificou o diretor Presidente da Unimed Varginha, Dr. Raimundo Nonato de Castro Andrade.

Na edição de 2018, o Hospital Humanitas foi certificado na categoria Bronze. Com a nova certificação, vem junto a satisfação, o aumento da responsabilidade pela conquista e o desejo de na próxima avaliação repetirmos ou subir de nível (diamante) em busca da excelência.

No total foram 771,511 (77%) pontos obtidos que garantiram a categoria. Essa pontuação significa que a sustentabilidade está inserida de forma estratégica na gestão do hospital. A Unimed Varginha manteve o selo PRATA, no qual conquistou em 2018. “Estamos em busca do selo OURO de Governança e Sustentabilidade, o que trará bons frutos para a cooperativa nos fazendo ainda mais buscar a excelência”, finaliza o diretor.


Sobre o Selo

Existente desde 2003, este processo de certificação permite a realização de um diagnóstico da gestão das participantes, oferecendo caminhos para uma evolução contínua baseada em boas práticas e pautada pela transparência e pela conduta ética, preparando-as, dessa forma, para a crescente competitividade do mercado e para o atendimento das exigências dos órgãos de regulação. Além disso, são reconhecidas, por meio de uma premiação, as Unimeds com melhor desempenho em pontuação e evolução dos indicadores (por categoria).

Esta certificação funciona por meio do preenchimento de um questionário multidisciplinar e do envio de evidências que comprovem as práticas selecionadas, a candidatura é avaliada por uma Comissão e, como consequência, a Unimed participante é certificada dentro das categorias de classificação, além de receber uma devolutiva que poderá ser utilizada como norte para a sua evolução.

Compartilhar no Facebook

Paciente com leucemia está internada no Hospital Bom Pastor e precisa de doações de sangue : 18/12/2020 14:55

Uma mulher de São Lourenço, de 43 anos, está internada no Hospital Bom Pastor e precisa de doações de sangue. De acordo com a família, "ela foi diagnosticada com leucemia e está precisando muito de doações".

O estoque de sangue em Varginha está baixo. Caso você queira ser um doador para a paciente, deve procurar a Policlínica Central na R. Santa Catarina, próximo a Rua Santa Cruz, no Centro. No momento do cadastro, o doador deverá informar o nome da paciente, Midiã Aristeia Menezes, e o nome do Hospital Bom Pastor.

As doações serão colhidas mediante agendamento pelo telefone 3690-2297 (Maria José) de segunda a quinta-feira das 7h às 11h, ou pelo 3690-1058 (Iranete) de segunda a quinta-feira das 7h às 12h e das 14h às 17h. Ou o doador pode ir até a Policlínica Central na sexta-feira, dia de posto de coleta, das 7h às 11h30.

Compartilhar no Facebook

Hospital Humanitas suspende cirurgias, reduz exames e decreta revezamento de colaboradores após aumento de ocupação hospitalar : 17/12/2020 17:51

Em nota publicada na tarde desta quinta-feira (17), o Hospital Humanitas Unimed anunciou a suspensão de cirurgias eletivas, redução de exames nos serviços de diagnóstico e o revezamento de colaboradores na instituição.

De acordo com o hospital, a medida foi tomada devido a um aumento na ocupação hospitalar e nos casos suspeitos e confirmados de Covid-19, nos últimos dias. "Como medida de prevenção, deliberamos por suspender temporariamente as cirurgias eletivas, medida esta que já foi necessária em outros momentos ao longo desta pandemia, visando manter a segurança e a reserva dos leitos para um possível aumento de casos", afirmou.

O grupo Unimed é composto por mais de 550 colaboradores e, atualmente, sete estão afastados por sintomas gripais, sendo três deles testados positivo para Covid-19.

"Não há motivos para pânico. O Hospital Humanitas Unimed vem trabalhando de forma consistente e atingindo excelentes resultados com os pacientes internados com Covid. Nosso único intuito é proteger toda a população e garantir melhor assistência médica possível a todos que precisarem da nossa instituição", enfatizou.

A nota foi publicada após um áudio circular nas redes sociais nesta quarta-feira (16), onde o chefe do centro cirúrgico do hospital, Dr. Renato, afirmava que "a taxa de ocupação teve uma alta expressiva nas últimas 48 horas e complicou um pouco a dinâmica do hospital". O médico ainda citou que funcionários da UTI haviam sido afastados por conta da doença e falou ainda sobre a situação das alas e leitos do hospital.

A Unimed ainda afirmou que "desde o início da pandemia, o hospital vem tomando todas as precauções e seguindo rigorosamente todos os protocolos do Ministério da Saúde para o enfrentamento da Covid-19, no intuito de garantir o cuidado à vida e a segurança dos nossos pacientes e colaboradores", concluiu.

Compartilhar no Facebook

Hospital Regional recebe Centro de Diagnóstico com investimento de mais de R$ 2 milhões : 17/12/2020 15:01

Nesta terça-feira (15), foi oficialmente inaugurado o novo Centro de Diagnóstico do Hospital Regional do Sul de Minas. Agora, a unidade de saúde conta com sistema digital de Raio X e novo Tomógrafo para realização de exames.

Os recursos para os investimentos, de mais de R$ 2 milhões, foram conseguidos junto ao Ministério da Saúde. A busca pelo investimento teve início no período em que Rogério Bueno era diretor do hospital e contou com a ajuda do Dep. Federal Dimas Fabiano e da atual diretoria.

"Essa conquista é extremamente importante, pois para se fazer uma tomografia antes era necessário deslocar pacientes que estavam internados no hospital, na maioria das vezes na UTI, o que gerava custo de locomoção em UTI móvel, custo desses exames em clinicas particulares, além de ter que deslocar pacientes em situação frágil de saúde. Além desses benefícios o hospital agora atende exigências do Ministério da Saúde, que por ser referência em neurocirurgia tem obrigatoriamente que dispor de tomógrafo para atender seus paciente", afirmou o ex-diretor Rogério Bueno.

A presidente da Câmara, Zilda Silva, e o secretário municipal de saúde, Dr. Luiz Carlos Coelho, participaram da cerimônia de inauguração.

"Essa conquista é muito importante, pois auxilia no trabalho dos médicos e melhora no atendimento aos pacientes. Agradecemos ao Deputado Federal Dimas Fabiano, que com sua sensibilidade, destinou emenda parlamentar para atender aos pacientes de Varginha e de nossa região", enfatizou Zilda Silva.

Compartilhar no Facebook

Zema sanciona lei que cria política de desenvolvimento industrial do Sul de Minas : 16/12/2020 15:21

O governador Romeu Zema sancionou nesta terça-feira (15/12), na Cidade Administrativa, o projeto de lei que cria uma política de desenvolvimento industrial do Sul de Minas. A ação busca a atração de indústrias e a melhoria da infraestrutura, como as estradas da região, para incentivar a geração de negócios e empregos. A lei, de número 1.140/2019 e de autoria do deputado Dalmo Ribeiro, foi aprovada em novembro pela Assembleia Legislativa.

Um exemplo é a produção expressiva de café na região, que pode ser usada como uma forma de fortalecer outros tipos de indústrias no Sul do Estado. Em 2020, a região reuniu mais de 50% de toda a produção de café de Minas Gerais, sendo o principal produto da pauta de exportações do agronegócio estadual.

Na avaliação do governador, essa lei reforça a política estadual de atração de empresas e criação de empregos.

“Em dois anos, conseguimos atrair para o nosso Estado R$ 88 bilhões em investimentos, enquanto o último governo atraiu em quatro anos R$ 26 bilhões. Fica claro que mudamos de patamar. O que queremos é atrair mais empresas e os prefeitos podem contar com nosso apoio”, afirmou Romeu Zema.

O deputado Dalmo Ribeiro falou sobre a projeção que a medida trará para a região. “Traremos mais investimentos, mais empregos com parcerias com o BDMG, com o Indi, secretarias, prefeituras. É o nosso propósito com esse projeto”, destacou. A legislação considera a região Sul sendo composta pelas regiões intermediárias de Varginha e Pouso Alegre, que somam mais de 160 municípios.

Também participaram da reunião o secretário adjunto da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Fernando Passalio, o diretor-presidente do Indi, Thiago Toscano, o assessor especial da Secretaria de Estado de Governo, Rodrigo Freitas. Virtualmente, participaram prefeitos do Sul de Minas e representantes de entidades e associações da região.

Compartilhar no Facebook

Usina da Ilha Grande passa por restauração e voltará a gerar energia elétrica : 15/12/2020 14:28

Inaugurada em 1914 pelo presidente Wenceslau Braz e pelo Governador Delfim Moreira, a Usina da Ilha Grande, em Varginha foi uma das principais geradoras de energia para cerca de 50 cidades do Sul de Minas até ser desativada em 1980. Toda essa estrutura que foi muito importante para a região por mais de 60 anos está sendo restaurada e deve voltar a produzir energia nos próximos meses.

A obra foi iniciada em outubro de 2019 e tem previsão de entrega entre 18 e 24 meses. A empresa Compasso Energia S/A, uma das proprietárias da usina, é também a responsável pela execução da obra de recuperação e recapacitação. Os serviços incluem o desassoreamento das estruturas arquitetônicas do complexo hidrelétrico, a recuperação e restauração da barragem principal, da câmara de carga, da antiga casa de máquinas, da ponte de acesso à usina, das comportas desarenadoras, dos equipamentos hidromecânicos, dos sistemas de adução e sucção, substituição parcial do piso da antiga casa de máquinas; reconstrução do canal de fuga e adução. Além disso, serão feitas novas instalações elétricas, hidromecânicas e de prevenção e combate a incêndio e pânico.

O prefeito Vérdi Lúcio Melo vem acompanhando de perto todo o processo de restauração da usina e ressaltou a importância deste conjunto arquitetônico para Varginha e para toda a região. “Aguardamos com expectativa a restauração da Usina da Ilha Grande, que voltará à ativa com suas características originais”, disse Vérdi Melo.

O Conjunto Arquitetônico e Paisagístico da Usina da Ilha Grande foi tombado como patrimônio cultural de Varginha em 2013, tendo sido inscrito no Livro do Tombo dos Bens Arqueológicos, Etnológicos e Paisagísticos. Este conjunto, que também foi conhecido como Usina do Braço Seco, é abrigado com a formação de uma ilha artificial que está totalmente integrada ao meio ambiente natural, formando um conjunto de peculiar beleza paisagística.

Dada a complexidade e idade do monumento arquitetônico, inaugurado em 1914, o processo de restauração não é nada simples. “Até mesmo a argamassa a ser utilizada na recomposição das alvenarias de pedra das estruturas que compõem a usina precisa se assemelhar às da época da construção, havendo a necessidade de buscar por processos químicos semelhantes”, afirma a arquiteta Danielle de Souza Guimarães, coordenadora técnica do Patrimônio Cultural, órgão da Fundação Cultural de Varginha.

“Essa usina foi pioneira e criada para substituir para trazer a energia elétrica para toda região para substituir a iluminação a gás. Ela gerava 1 Megawatt, o que representava 10% da potência instalada no país na época. Foi a fonte de energia que possibilitou o desenvolvimento de Varginha”, relata Sílvio Bottrel Guimarães, também um dos proprietários da usina. Ele foi o entusiasta de restauração e iniciou a busca pelos recursos há 10 anos. O investimento foi viabilizado pelo Banco de Desenvolvimento do Estado de Minas Gerais – BDMG e pela empresa Compasso Energia S/A.

Compartilhar no Facebook

Theatro Capitólio recebe AVCB do Corpo de Bombeiros : 14/12/2020 14:29

“É uma grande conquista nestes 93 anos de história do nosso querido Theatro Municipal Capitólio, referência no Sul de Minas como um dos espaços mais bonitos e que agora tem a garantia de toda a segurança para receber o público em apresentações culturais”, comemora Lindon Lopes, diretor-superintendente da Fundação Cultural de Varginha.

O Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais emitiu no dia 15 de setembro deste ano um documento que certifica que a edificação do Theatro Capitólio possui as medidas de segurança previstas na legislação estadual de Segurança Contra Incêndio e Pânico vigente. É a primeira vez, em mais de 90 anos, que o local com 1.455 m² recebe este documento chamado AVCB, o Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros.

Para conquistá-lo, várias medidas foram tomadas pela equipe da Fundação Cultural e da Secretaria Municipal de Planejamento Urbano para adequar a estrutura às regras estabelecidas em nível estadual e federal.

De acordo com a arquiteta Danielle de Souza Guimarães, foram instalados corrimãos nas escadas, que também receberam fitas antiderrapantes, luminárias e sinalização de emergência, fita emborrachada nas vigas e houve a manutenção do alarme de incêndio.

De acordo com a Lei Estadual nº 14.130/2001 e o Decreto Estadual nº 46.595/2014, toda edificação destinada ao uso coletivo deve ser regularizada junto ao Corpo de Bombeiros para proteger a população de incidentes que a ponham em risco. O risco leva em conta área, ocupação e atividade desenvolvida no imóvel.


Reforma será iniciada em 2021

Troca do sistema elétrico para suportar os equipamentos de som e iluminação mais modernos, pintura externa e interna, retirada de infiltrações, manutenção nas cortinas e nas cadeiras, além de instalação de internet de alta velocidade para viabilizar a transmissão ao vivo dos shows e espetáculos.

No início de 2021, o Theatro receberá estas e outras melhorias com investimento de recursos já garantidos pelo Fundo Municipal de Proteção ao Patrimônio Cultural. Com a reforma, que será realizada pela empresa Tri-Service Engenhart’s e Terceirização Ltda, o Theatro poderá sediar, ainda em 2021, grandes eventos voltados à população de Varginha e região.

Compartilhar no Facebook

Secretaria de Saúde implementa horário preferencial para idosos : 14/12/2020 14:14

A Prefeitura de Varginha comunica que, em decorrência da Pandemia, a partir do de hoje (14) a Secretaria de Saúde terá horário de atendimento prioritário para pessoas com idade igual ou superior a 60 anos, evitando a exposição deste grupo de risco que passará a ser preferencial das 7h30 às 9h30.

Portanto, a partir de segunda-feira, 14, agendamentos de consultas especializadas, autorização de exames especiais, tomografarias, ressonância, entrega de medicamentos de alto custo, autorização de cirurgias eletivas, dentre outros, para pessoas com idade igual ou superior a 60 anos terá horário preferencial.

A secretaria comunica ainda que a confecção de Cartão do SUS pode ser realizada em qualquer unidade de saúde da Família durante o horário de atendimento na secretaria de Saúde é disponibilizado de segunda a sexta-feira, das 14h às16h.

Compartilhar no Facebook

Ipem prepara licitação para retomar o posto verificação de veículos-tanques da Regional Varginha : 10/12/2020 14:59

A diretoria do Instituto de Metrologia e Qualidade do Estado de Minas Gerais (Ipem-MG) retomou, no segundo semestre deste ano, o processo licitatório para a reforma do posto de verificação de veículos-tanques da Regional Varginha, que se encontra paralisado por danos estruturais desde fevereiro de 2018. O posto é responsável pelo atendimento da frota de caminhões de toda a região Sul de Minas Gerais.

Segundo a diretora-geral do Ipem-MG, Melissa Barcellos Martinelle, a expectativa é que a retomada do serviço seja realizada no primeiro semestre de 2021.

“Foi dado um passo importante para solucionar essa questão. A equipe do Ipem-MG está se empenhando ao máximo para que as atividades do posto de verificação de veículos-tanques voltem a funcionar o mais rápido possível”, afirmou.

Melissa destacou, ainda, que atualmente os caminhoneiros acabam tendo que se deslocar para a sede do Ipem-MG, em Contagem, regional Uberlândia ou outros estados para realizar este tipo de serviço.

O projeto da reforma com as obras necessárias foi executado por servidores do Departamento de Edificações e Estradas de Rodagem de Minas Gerais (DER-MG), após visita à regional de Varginha, em setembro deste ano.


Verificação volumétrica

Um dos vários trabalhos realizados pelo Ipem-MG é a verificação do volume dos tanques que transportam combustíveis líquidos. Nesse tipo de verificação os técnicos do Instituto submetem os tanques desses veículos a uma inspeção, a fim de certificar a quantidade de volume que o caminhão é capaz de transportar.

Essa verificação é importante para o empreendedor que vende e recebe o produto, bem como para a sociedade. É por meio dela que o posto de combustível certifica se a quantidade de produto entregue pela transportadora está correta, garantindo, assim, a justa relação de consumo.


Ipem-MG

O Ipem-MG é uma instituição vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais (Sede) e um órgão delegado do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro). Executa serviços essenciais para a concorrência justa do mercado de consumo mineiro e nacional, bem como na proteção ao cidadão em suas relações de consumo.

Dentre os serviços e produtos verificados e fiscalizados pelo Ipem-MG estão os postos de combustíveis; produtos pré-medidos, que são aqueles embalados sem a presença do consumidor, como os itens da cesta básica; veículos transportadores de cargas perigosas (combustíveis, ácidos); produtos de certificação compulsória (brinquedos, pneus, preservativos), entre outros.

Compartilhar no Facebook

Projeto prepara professores a praticarem uma educação mais lúdica, colaborativa e multidisciplinar : 10/12/2020 14:54

O brincar é uma atividade essencial para viver a infância em sua plenitude e se apresenta, também, como ferramenta importante para uma educação de qualidade. Por meio das artes, dos jogos e das brincadeiras as crianças experienciam múltiplos mundos possíveis, praticando regras, vivenciando emoções, exercitando a imaginação, a criatividade, a capacidade crítica e o raciocínio lógico.

É por tudo isso que a segunda e terceira formação do Baú das Artes — projeto realizado por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura, da Secretaria Especial da Cultural do Ministério do Turismo, tem patrocínio da Casa do Adubo, apoio da Holy Cow Criações e é executado pela Evoluir, empresa híbrida de educação que atua com a produção de conteúdos e projetos, em parceria com a Secretaria Municipal de Educação de Varginha —, aborda contextualização e adaptação dos conteúdos para a prática com os alunos no município.

Dividido em 5 principais etapas - acolhida tecnológica, doação do acervo, formação dos educadores, acompanhamento pedagógico e evento de culminância (celebração) —,o projeto foi todo adaptado para o ambiente online, por conta da quarentena. O primeiro módulo da formação continuada dos educadores foi voltado para a entrega dos baús nas duas escolas participantes e a acolhida tecnológica dos educadores selecionados.

A primeira formação teve como objetivo apresentar o acervo ludo-pedagógico com materiais polivalentes, além da metodologia que embasa o projeto e suas principais referências. Neste momento, os educadores estão ampliando seu campo didático para conseguir colocar todo o aprendizado em prática e adaptar a metodologia aprendida para aplicar em sua prática diária.

“Participar do Baú das Artes foi mesmo abrir olhares para uma educação de encantamento e sonhos para nossos alunos. Mesmo nas formações online foi possível constatar isto. Material riquíssimo que nos dá oportunidade de realizar momentos inesquecíveis de aprendizagem. Agradeço a oportunidade de fazer parte deste projeto”, conta Marli Braga, educadora da Escola Municipal Cláudio Figueiredo Nogueira.

O projeto está organizado a partir dos temas dos Parâmetros Curriculares Nacionais (PCN), estabelecidos pelo Ministério da Educação (MEC), como Meio Ambiente, Trabalho e Consumo, Sexualidade, Ética, Saúde e Pluralidade Cultural. Todo o conteúdo dos baús segue os princípios da Aprendizagem Baseada em Projetos (ABP), que busca envolver a criança em um ambiente de investigação e busca por solução de problemas, tornando-a protagonista de seu processo de aprendizagem e desenvolvimento.

"Investir na educação de crianças é como plantar sementes que se transformarão em grandes adultos no futuro. Temos muito orgulho de poder apoiar o Projeto Baú das Artes, que contribui diretamente com a o desenvolvimento de comunidades nas quais a Casa do Adubo tem atuação comercial. Desse modo, esperamos continuar gerando empregos e conhecimento para a região", comenta Raphael Covre, CEO do Grupo Casa do Adubo.

O projeto pedagógico se encerra em dezembro, beneficia 23 educadores de Varginha, em duas instituições de ensino - Escola Municipal Paulo Cândido de Figueiredo e Escola Municipal Cláudio Figueiredo Nogueira - e impactando diretamente 183 crianças de 6 a 10 anos do Ensino Fundamental I. Executado desde 2011 no país, o projeto já entregou mil baús, abrangendo todas as regiões do Brasil e beneficiando mais de 300 mil crianças.


Sobre o Baú das Artes

Brincar, criar e aprender. Esse é o propósito do projeto Baú das Artes, idealizado e executado pela Evoluir, desde 2011. De forma colaborativa e multidisciplinar, o Baú leva às crianças e suas comunidades aprendizados de cooperação e sustentabilidade, adquiridos por meio de atividades lúdicas. O Baú é doado às escolas recheado de materiais de teatro como fantoches, além de itens de higiene e jardinagem, jogos, instrumentos musicais e um completo acervo de livros para que os educadores possam conduzir atividades práticas e divertidas em sala de aula.

Devido o período de isolamento social imposto pelo novo Coronavírus e a necessidade de readaptação do ensino público e da formação continuada dos professores, lançamos mão de estratégias para dar sequência ao projeto em sua versão virtual. Os 3 encontros formativos foram realizados no formato virtual através da Plataforma do Zoom e as escolas ganharam encontros remotos quinzenais de acompanhamento técnico-pedagógico. Além disso, todos os educadores e representantes das secretarias de educação receberam suporte tecnológico individual para melhor participação nas videochamadas e utilização da Plataforma de Gerenciamento de Conteúdo do Projeto Baú das Artes, construída no Google Classroom e compartilhada com todos os inscritos nas etapas formativas.

Sobre a Evoluir

A Evoluir é uma empresa híbrida de educação que atua com a produção de conteúdos e projetos com o objetivo de promover impacto social. Com mais de 20 anos de experiência, é especialista no desenho e execução de projetos em educação, cultura e meio ambiente. Assessora organizações públicas e privadas nos seus investimentos sociais e de forma segura e eficiente.

Atua em todas as regiões do Brasil por meio de investimento direto, editais e leis de incentivo nos âmbitos federal, estadual e municipal. Conta com quatro áreas de negócios - Programas Educacionais, Educação Integral e Liderança, Eventos Culturais e a Editora Evoluir - que já beneficiaram mais de 500 mil pessoas por meio de parcerias com o poder público e iniciativa privada.

Compartilhar no Facebook

Prefeito participa de reunião com proprietários da Steam Master e presidente da CBC : 04/12/2020 14:28

O prefeito Vérdi Melo participou nesta quinta-feira (03), na sede da Steam Master Caldeiras, de uma reunião entre a direção da empresa e a CBC, que celebrou a compra pela Steam Master de uma área de 40 mil metros quadrados de propriedade da CBC.

Participaram da assinatura, o diretor-Presidente da CBC Indústrias Pesadas, Kazumichi Makino, o Diretor-vice presidente, Arata Baba, e o sócio proprietário da Steam Master, Eder Douglas de Morais, que na oportunidade enfatizou a importância daquele momento para a empresa líder no setor de caldeiras.

Vérdi também aproveitou o momento e fez um agradecimento especial ao presidente da CBC, devido a importância da Indústria para o desenvolvimento da cidade.

“A CBC teve um Importante papel na história da nossa cidade onde deixou um Legado de competência e empreendedorismo, tendo sido uma das grandes geradoras de emprego para o nosso município. Reconhecemos e agradecer por tudo o que nos proporcionou. 'Arigato'”, afirmou o prefeito, que ainda deixou claro ao presidente da CBC que, caso a empresa, futuramente, tenha algum projeto para a cidade, Varginha estará de portas abertas para recebê-los.

Compartilhar no Facebook

Prefeito autoriza compra de microchips para o Bem Estar Animal : 04/12/2020 14:23

Reafirmando seu compromisso com a causa animal, o prefeito Vérdi Melo autorizou o Setor de Defesa e Bem Estar Animal a realizar a compra de 500 Unidade de Microchips destinados ao serviço de microchipagem animal.

Esse é um dos serviços oferecidos pelo setor. Segundo o médico veterinário José Eduardo Balieiro, coordenador geral da Zoonoses e Bem Estar Animal, os microchips funcionam como um documento de identidade de cães, gatos e até equinos.

“O Microchip com um código único é implantado no animal com dados e informações do animal e do seu tutor. Através dele e possível identificar o animal e seu respectivo tutor em casos de fugas, abandono e até mesmo furto, inclusive saber o endereço”, explica a Veterinária Marislei Camilo responsável pela Zoonoses.

A microchipagem pode ocorrer no ato da castração pelo programa municipal de controle de populacional de cães e gatos, nas clínicas conveniadas com a prefeitura, ou se houver apenas o interesse, no Centro de controle de Zoonoses.

A microchipagem ocorre mediante pagamento de uma taxa de R$29,84. "Aquelas pessoas inscritas em programas sociais não pagam desde que apresentem comprovantes", afirmou a Prefeitura.

Compartilhar no Facebook

Movimento Ferroviário de Varginha participa de feira de negócios e ideias de mobilidade : 03/12/2020 14:52

Terminou a mais importante feira de negócios e ideias de mobilidade do Brasil, a NT Expo - Negócios nos Trilhos, que teve a coordenação geral da Revista Ferroviária com outros parceiros. O advogado e líder do Movimento Ferroviário de Varginha e Região, Carlos Cornwall, participou, centrando foco em aprofundar ainda mais sobre o uso de sistemas ferroviários de passageiros e cargas.

Além de representantes de órgãos reguladores do Governo Federal, como ANTT e Minfra, também participaram Operadores do Sistema Estadual, como CPTM\SP, CTB/Bahia, Secretarias de Transportes de Rio e SP, além de empresários e técnicos de engenharia metroferroviária e de mobilidade urbana.

Cornwall destaca que as principais operadoras ferroviárias levaram seu vasto conhecimento, entre essas: MRS Logistica, Estrada Vitória/Minas (da Vale), Rumo Logistica, Ferrovia Tereza Cristina, VLI, entre outras.

Muitos temas foram debatidos, e além do lado técnico, a necessidade de se fazer tudo com segurança jurídica. De interesse para o MFVR, e em consequência para Varginha e região, os painéis: O Papel do VLT como modo de transporte estruturante no planejamento urbano das médias cidades; A importância da indústria nacional no desenvolvimento da mobilidade sobre trilhos (VLTs, trens regionais, etc), além do caminho para aumentar a participação privada nos sistemas ferroviários de passageiros.

“O evento serviu também para capacitação, pois os maiores especialistas do Brasil no Setor participaram e isso é importante para que possamos ajudar no desenvolvimento sustentável das cidades, pois, mesmo que tenhamos já em análise um projeto de Varginha, que apresentamos de Trem Urbano à Secretaria Mineira, é preciso conhecer integrações de modais, que vêm crescendo no país e suas inovações”, disse Carlos Cornwall.

Compartilhar no Facebook

Doações de Sangue voltam a ser coletadas duas vezes por semana : 03/12/2020 14:28

Retornaram as doações de sangue em Varginha. As coletas serão realizadas todas às quintas-feiras e sextas-feiras, a partir das 7h na Policlínica Central, localizada à Rua Santa Catarina, s/n (próximo ao Supermercado Maiolini da rua Santa Cruz).

Durante o período da pandemia, as doações de sangue serão realizadas somente através de agendamento prévio. Para reservar seu horário de doação, basta entrar em contato pelo telefone: 3690-2297, de segundas à quartas-feiras, de 7 às 11 horas.


Para doar é necessário:

- Ter entre 16 e 69 anos de idade. Jovens de 16 e 17 anos só poderão doar se acompanhados do responsável legal ou portando autorização formal com assinatura e xerox do documento do responsável. Pessoas com 61 anos ou mais só poderão doar se tiverem realizado pelo menos uma doação anterior (levar comprovante no dia da doação);

- Ter e estar com boa saúde;

- Ter dormido bem na noite anterior à doação;

- Ter se alimentado, não estar em jejum;

- Pesar mais de 50 Kg;

- Não ter tido hepatite após os 11 anos de idade;

- Não ter sido exposto à situação de risco acrescido para doenças sexualmente transmissíveis;

- Não ter se submetido a exame de endoscopia, colonoscopia, broncoscopia, fibronasoscopia ou artroscopia nos últimos 6 meses;

- Não ter feito tatuagem nos últimos 12 meses e piercing nos últimos 6 meses. O piercing em mucosa oral ou região genital contra indica a doação.

- Não estar grávida ou em período de amamentação;

- Para a mulher a menstruação ou o uso de pílula anticoncepcional não impedem a doação;

- Não apresentar ferimento ainda não cicatrizado;

- Não ter ingerido bebida alcoólica nas 12 horas que antecedem a doação;

- O uso de medicamentos deve ser informado;

- Outras condições que também podem impedir a doação serão avaliadas na triagem clínica;

- Quem tomou a vacina de Febre Amarela ou Triviral (sarampo/caxumba/rubéola) deve aguardar 30 dias para fazer doação de sangue;

- Quem apresentou sinais gripais também deve aguardar 30 dias para a próxima doação.


Homens podem fazer até 4 doações no período de 1 ano com intervalo mínimo de 2 meses (60 dias) entre uma doação e outra. Mulheres podem fazer até 3 doações no período de 1 ano com intervalo mínimo de 3 meses (90 dias) entre as doações.

Compartilhar no Facebook

Prefeitura convoca população para ajudar na preservação da Praça São Charbel : 30/11/2020 14:34

A Prefeitura de Varginha, por meio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (SEMA), monitora diariamente as duas lixeiras instaladas na Praça São Charbel, sendo que as mesmas são lavadas de dois em dois dias. Duas equipes especializadas – uma da SEMEA e outra da Guarda Civil Municipal de Varginha (GCMV) estiveram essa semana no local e constataram que o mau cheiro predominante na área é provocado pelo descarte incorreto e criminoso de óleo usado; possivelmente moradores ou comerciantes do entorno estão jogando esse dejeto de caixa de gordura nas lixeiras. Um Boletim de Ocorrência foi feito quanto a essa situação.

Quanto às pessoas que rotineiramente estão no local, elas são abordadas pela GCMV em casos que geram perturbação pública ou apresentam algum tipo de ameaça à sociedade. Diariamente, uma equipe da Secretaria Municipal de Habitação e Desenvolvimento Social (SEHAD) passa pela praça para convidar essas pessoas para a Casa Lar ou para o abrigo. Porém, o que foi constatado é que a maioria dessas pessoas não vive em situação de rua, e tem sim família e casa.

A Prefeitura informa que a Praça São Charbel – que antes era abandonada – foi revitalizada, houve poda e corte de árvores que ameaçavam cair e recebe manutenção diária de limpeza e segurança pública visando permanecer um local agradável e sem ameaça à saúde pública e à sociedade. Inclusive houve corte de uma árvore no sábado (28), após constatação técnica do Corpo de Bombeiros de risco de queda sendo acionada a SEMEA para o procedimento evitando assim riscos de acidentes.

A Prefeitura faz um apelo para que o descarte de óleo usado seja feito corretamente, lembra que existem na cidade, empresas especializadas no recolhimento desse produto para a destinação correta e ressalta que se houver flagrante desse ato criminoso, que usará todos os rigores da lei para punir os responsáveis.

A convocação da Prefeitura é para que todos os moradores, os comerciantes do entorno, os trabalhadores das imediações e os frequentadores dessa região ajudem a preservar a Praça colaborando com a limpeza pública assim como os demais espaços públicos varginhenses.

Compartilhar no Facebook

IEPHA autoriza desapropriação do Cinema Rio Branco para alocação de Centro de Convenções : 26/11/2020 14:43

Importantes passos para o desenvolvimento de Varginha foram definidos em reunião virtual realizada na manhã desta quinta-feira (26). O encontro on-line foi organizado pelo deputado estadual Professor Cleiton com o Presidente do Centro de Comércio do Café, Archimedes Coli Neto e a presidente do Instituto Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico (IEPHA), Michele Arroyo.

Na ocasião, Michele confirmou a autorização para que o prédio do Cinema Rio Branco seja desapropriado para a futura alocação de um Centro de Convenções, em Varginha. Professor Cleiton, que é da cidade, classificou essa autorização como histórica.

“Eu, como historiador e apaixonado pela nossa cidade, fico imensamente feliz que o IEPHA tenha dado essa autorização. Agora vamos articular para que todos os detalhes sejam organizados o mais breve possível para que esse projeto tenha sequência e Varginha ganhe essa estrutura espetacular para eventos”, afirmou.

Entre os detalhes citados pelo deputado estão questões como a avaliação financeira do imóvel, seguida pela captação de recursos – que deverá ser feita via Lei Rouanet e iniciativa privada - e projeto de restauração.

Segundo a presidente do IEPHA, o projeto pode ser desenvolvido por etapas conforme a entrada de recursos. Na fase de restauração do prédio deverão ocorrer ações como a recuperação da parte elétrica, revisão estrutural e do telhado, substituição do mobiliário e equipamentos, além da adequação dos espaços. “Já existe um projeto de restauração do Cine Rio Branco, mas ele é básico e precisará de atualizações”, contou.

Durante a reunião, foi falado ainda sobre outras formas de captação de recursos para fomentar o turismo e tudo que ele envolve. Professor Cleiton se comprometeu ainda a apresentar na Assembleia Legislativa de Minas Gerais projetos que contribuam nesta questão.

Segundo a Assessoria de Imprensa do deputado, em breve, uma nova reunião será marcada com a Prefeitura, representantes do Governo do Estado e Ministério do Turismo. "A expectativa é que já em 2021, a população varginhense tenha boas notícias acerca desse patrimônio tão importante", concluiu.

Compartilhar no Facebook

Secretaria Municipal de Saúde pede atenção no descarte do lixo em casas onde há suspeitos ou infectados da Covid-19 : 25/11/2020 14:53

Desde que teve início a pandemia da Covid-19, muitos cuidados tiveram que ser adotados pela população, como uso de máscaras, distanciamento social e uso de álcool em gel.

E não é diferente em relação ao lixo. Nesta terça-feira (24), a Secretaria de Saúde de Varginha emitiu comunicado pedindo para que a população preste atenção no descarte do lixo na cidade. De acordo com a secretaria, ao descartar algo que teve contato com algum infectado ou caso suspeito, a população deve sinalizar com a cor vermelha no saco de lixo, para que os profissionais possam recolher o descarte de maneira segura.

"É importante que o descarte do material, usado pelo paciente positivo ou suspeito, seja de máscaras ou de alguns objetos que possam ser descartados, sejam colocados dentro de um saco plástico fechado e se possível sinalizado. Caso tenha possibilidade de fazer a sinalização de que é um material infectado, qualquer que seja uma sinalização vermelha neste saco", afirmou o secretário de saúde, Dr. Luiz Carlos Coelho.

"Na impossibilidade ou por uma opção de não querer se expor, descartar esse saco já fechado, no lixo doméstico. É importante até mesmo para proteger o restante da família, os coletores de lixo e as pessoas que transitam em vias públicas. É fundamental que esse lixo descartável seja acondicionado de maneira segura, dentro de uma embalagem plástica fechada e colocada dentro do cesto de lixo doméstico", concluiu o secretário.

Compartilhar no Facebook

Projeto Samba na Comunidade recebe apoio do Governo de Minas : 23/11/2020 14:43

Após o grande sucesso das edições realizadas em 2018 e 2019, o projeto Samba na Comunidade recebeu apoio do Governo de Minas. Por conta da pandemia da Covid-19, a próxima edição será por meio de uma live.

O projeto da produtora cultural de Idmara Galo é viabilizado pelo Edital Arte e Salva por meio de recursos Estaduais.

Segundo Idmara, no dia em que se celebra o dia da Consciência Negra, é o momento de festejar a manifestação cultural como Patrimônio Imaterial que é o samba Brasileiro.

“Nosso objetivo é popularizar a raiz do samba brasileiro e levá-lo para próximo da comunidade, valorizando o samba brasileiro e outros ritmos e proporcionando acesso a ações culturais aos mais diversos públicos”, completa.

Ainda segundo a produtora, o Samba na Comunidade é um artefato cultural criado por determinadas culturas, sendo uma arte poderosa e fonte de grande entretenimento popular.

Compartilhar no Facebook

Prefeito Vérdi reúne com equipe do Hemominas para tratar da instalação de um posto avançado na cidade : 23/11/2020 14:39

O Prefeito Vérdi Melo recebeu nesta sexta-feira (20) em seu gabinete, a coordenadora do Posto Avançado do Hemominas de Poços de Caldas, Dra. Cibele Angélica de Souza Spina, que veio a Varginha com sua equipe para as tratativas finais da instalação de um Posto Avançado na cidade.

Durante a reunião, que contou com a presença do Secretário de Saúde, Luiz Carlos Coelho, ficou certado o restabelecimento da retomada gradual e segura dos atendimentos presenciais na Policlínica Central, com a coleta de Sangue já a partir da próxima sexta-feira (27), em comemoração do Dia do Doador de Sangue. As coletas irão acontecer semanalmente às quintas e sextas-feiras, por agendamento e com todas as medidas sanitárias do plano de contingenciamento da prevenção da Covid-19.

“Este é o passo definitivo para concretizarmos a instalação do Posto Avançado do Hemominas em Varginha” esclareceu o secretário de saúde, Luiz Carlos Coelho.

Em Varginha, a equipe do Hemominas visitou o imóvel na Alameda do Café, que hoje abriga a Vigilância Sanitária, que será adaptado para receber o PACE do Hemominas.

“Estamos tomando todas as providências necessárias para viabilizarmos o retorno do PACE do Hemominas para Varginha. Hoje acertamos os detalhes e cronogramas apresentados para a execução do Projeto para que em um curto espaço de tempo possamos iniciar os agendamos de doadores de segunda a sexta-feira, atendendo as necessidades da população de Varginha e de cidades vizinhas”, disse o prefeito Vérdi Melo.

Compartilhar no Facebook
1 2 3 4 5